Mais de 45 profissionais realizam curso de Práticas Restaurativas
11-07-2019 05:32Hs

Focados em oferecer ferramentas para que os conflitos no ambiente escolar sejam resolvidos por meio do diálogo, o Instituto Mundo Melhor capacitou 47 profissionais da Educação em Práticas Restaurativas, dentro do Projeto Escola Restaurativa. A ação, que teve duração de dois dias na primeira semana de julho e contou com a certificação própria, é mais uma parceria entre o IMM e o Núcleo Regional de Educação (NRE).


Aliás, o núcleo de educação foi o responsável pela seleção dos profissionais, os quais entre eles estavam professores, diretores, agentes educacionais I e II, e também profissionais dos direitos humanos e ouvidoria do NRE. Segundo a pedagoga do IMM, Érica Lemes, a ideia é fortalecer as escolas que já possuem a prática, consolidando assim as ações dentro das instituições por meio desse trabalho.


O próximo passo, já para o segundo semestre, é incentivar os trabalhos e círculos nas escolas, onde os profissionais da ouvidoria e dos direitos humanos darão o suporte para estarem tanto iniciando quanto concluindo as ações nos colégios. Érica explica que além do auxílio necessário para começar as atividades, o IMM também irá colocar à disposição das escolas a sua plataforma de cursos.


“Logo após a conclusão do curso de práticas restaurativas, duas escolas já saíram com uma programação completa para realizar o círculo pedagógico. Vale ressaltar ainda que esses profissionais capacitados poderão apresentar as ferramentas para os demais que não puderam estar presentes no curso”, conclui a pedagoga.