Ambiente Virtual IMM terá certificação acadêmica da FGW

03/05/2021

Ambiente Virtual IMM terá certificação acadêmica da FGW

Um dos principais projetos do Instituto Mundo Melhor (IMM), as Salas Virtuais, a partir de agora, conta com o reconhecimento da Faculdade de Gestão Woli (FGW). Além da plataforma ser desenvolvida pela Woli Treinamento e Consultoria de Araxá, os mais de 230 cursos disponíveis no Ambiente Virtual de Aprendizagem passam a contar com a certificação acadêmica da instituição educacional.

De acordo com o CEO e fundador do Grupo Woli, Wagner Oliveira, a certificação pela FGW é uma ampliação da parceria já existente, pois assim conseguirão obter mais flexibilidade e agilidade na produção de conteúdo e na certificação. “Estou muito feliz pela evolução dos nossos projetos e muito feliz pelo Instituto MM, que não para de crescer e de atender, cada vez mais, as áreas sociais nesse país”, enfatiza.

Para 2021, a previsão é que o ambiente virtual realize mais de 20 mil cursos. “Levar conhecimento e capacitação gratuita para milhares de pessoas, esse é um dos nossos ideais. E essa parceria reforça a estratégia do IMM em se tornar referência em educação à distância”, salienta a presidente, Cirlei Simão Pauliki.

 

O projeto

As Salas Virtuais MM são sistemas de ensino à distância implantados em dezenas de unidades atendidas pelo Instituto Mundo Melhor em diversos municípios do país, distribuídos em espaços governamentais, privados e entidades sociais. Aliás, um dos destaques desse projeto, é a implantação no sistema penal, que tem rendido excelentes resultados.

O professor da FGW, Valter Gomes, destaca justamente o projeto no sistema penal. Segundo ele, a certificação dos cursos propicia aos apenados, muito mais do que a redução da pena, pois proporciona a qualificação profissional, facilitando a reinserção deles no mercado de trabalho. “A FGW muito além da oferta de ensino superior de qualidade, preocupa-se em fazer a diferença por meio de ações de responsabilidade social, como essa em parceria com o IMM e a Woli”, finaliza.

×
Comunicado